Alternativas de crédito para pequena empresa: descubra agora

Alternativas de crédito para pequena empresa: descubra agora
5 (100%) 12 votes

Você conhece as alternativas de crédito para pequena empresa? Hoje vamos apresentar algumas dessas alternativas de crédito para você

Está buscando crédito, mas não quer contratar da maneira convencional? Existem alternativas de crédito que podem ser uma boa opção.

Qual é o nosso comportamento padrão quando precisamos de crédito? Normalmente, entramos em contato com o nosso banco e pedimos dinheiro.

Essa dinâmica é uma realidade em pequenas empresas, que muitas vezes o responsável financeiro é o proprietário. E como o empresário acaba acumulando diversas funções, optamos pelo caminho mais simples, que nem sempre é o mais recomendado.

Quando contratamos crédito direto do banco, muitas vezes deixamos de lado algumas opções que podem custar mais barato.

E para ajudar você a ganhar tempo e conhecer novas opções ao invés de perder muito tempo buscando por melhores alternativas, nós vamos mostrar algumas alternativas de crédito para pequenas empresas.

Além da prática corriqueira de sempre requisitar crédito para o gerente do seu banco, contratar crédito do seu banco nem sempre é a melhor escolha.

Sabemos que as condições de crédito para pequenas empresas nem sempre são as melhores. Com isso, muitas vezes, as taxas de juros são altíssimas e as condições de contratação nada favoráveis.

Como mudar isso? Como encontrar melhores condições para garantir que a sua empresa terá boas condições de crédito quando precisar?

Pensando nisso, criamos uma lista que irá revelar opções de crédito que a sua empresa poderá lançar mão quando necessário. Confira!

#1. Finame

Se você precisa de crédito para a aquisição de máquinas e equipamentos, o Finame pode ser uma ótima saída.

O Finame funciona por intermédio de instituições financeiras credenciadas no BNDES, que proporcionam a aquisição de máquinas, equipamentos e bens de tecnologia e automação novos, de fabricação nacional e credenciados.

Podemos dividir as linhas do BNDES Finame em:

  • Aquisição e comercialização: financiamento para aquisição e comercialização de máquinas, equipamentos, sistemas industriais, bens de informática e automação, ônibus e aeronaves executivas.
  • Produção: financiamento de capital de giro destinado à produção de máquinas, equipamentos e bens de informática e automação.
  • Moderniza: financiamento à modernização de máquinas e equipamentos instalados no país, com fornecimento contratado com os proprietários de bens.

Se esse é o seu caso, o Finame pode ser uma ótima alternativa. Para começar, você deve saber quais são as instituições financeiras credenciadas.

#2. Financiamento coletivo

Você já deve ter ouvido falar sobre financiamento coletivo (também conhecido como crowdfunfing).

Essa modalidade de crédito, é bem conhecida por conta de seus serviços online Kickstarter, ou os mais conhecidos serviços brasileiros do tipo, como o Catarse, Kickante e Vakinha.

Eles operam na lógica do crowdfunding, o financiamento coletivo.

Entenda como funciona: você cadastra, no site, informações sobre o seu projeto, traçando uma meta de arrecadação e diferentes faixas de contribuição.

Os usuários se deparam com a sua ideia e resolvem se contribuem ou não para a sua realização.

Se decidirem contribuir e a meta for alcançada até o final do prazo delimitado, receberão uma contrapartida, de acordo com o dinheiro que doaram.

Esse processo deu origem ao Equity Crowdfunding, que são serviços destinados ao financiamento de empresas, em troca de participação societária.

#3. Desconto de duplicatas

O desconto de duplicatas é uma alternativa muito utilizada por empresas que não conseguem cumprir com suas obrigações financeiras devido à falta de capital de giro.

desconto de duplicatas, também conhecido como Factoring ou fomento mercantil, nada mais é que uma antecipação de recebíveis, utilizando as duplicatas que sua empresa tem a receber dos clientes.

Com esse serviço, você consegue receber à vista o que vendeu a prazo, e usar esse dinheiro para cumprir suas obrigações financeiras.

A instituição que faz a antecipação estipula algumas taxas e percentuais sobre o valor, então o valor que você recebe na antecipação de uma venda é um pouco menor que o valor que receberia no prazo original.

#4. Proger

Com o Proger Urbano Empresarial, sua empresa pode financiar a reforma das suas instalações ou a compra de máquinas, equipamentos e veículos automotores.

As linhas de crédito estão disponíveis em agentes financeiros como Banco da Amazônia, Banco do Brasil, Banco do Nordeste e Caixa Econômica Federal, que analisam e assumem o risco de crédito.

Tais linhas estão acessíveis a empresas legalmente constituídas, com faturamento mínimo comprovado de 12 meses, que sejam responsáveis pela criação de empregos ou mantenham um posto de trabalho existente.

Veja como funciona:

  • Você tem ate 12 meses para começar a pagar.
  • Utilização de fundo garantidor para garantir parte do financiamento e ter taxas mais acessíveis.
  • Isento de IOF.
  • Você pode financiar até 80% de seu projeto.
  • Prazo de pagamento: até 36 meses para capital de giro e até 72 meses para financiamento.

As condições de cada linha podem ser alteradas sem prévio aviso, bem como as instituições financeiras credenciadas para operá-las.

Confirme as condições atuais acessando a página do Proger.

#5. Empréstimo P2P

O P2P (peer to peer), permite que pessoas invistam dinheiro em pessoas sem a intermediação de uma instituição financeira.

O novo modelo funciona em dezenas de países, como Estados Unidos, Inglaterra, China e Austrália, e vem ajudando mais de 1 milhão de pessoas.

Com juros mais baixos, atendimento personalizado e rápido o novo sistema de empréstimo é uma alternativa atrativa para micro e pequenas empresas que não têm acesso a crédito nas grandes corporações financeiras do país.

As instituições de peer-to-peer lending possibilitam que empresas que precisam de dinheiro encontrem pessoas que tem dinheiro sobrando para emprestar a custos mais baixos que empréstimos sem garantia tradicionais.

Usando tecnologia e um processo 100% online, a modalidade elimina intermediários, reduzindo os juros para quem toma o crédito e aumentando os rendimentos para quem investe.

Quais são as melhores alternativas de crédito para você?

Agora que você já conheceu algumas alternativas de crédito, você precisa saber qual se encaixa em sua necessidade atual.

Iniciativas subsidiadas pelo governo, como o Proger e o Finame, só podem ser utilizadas para fins específicos, em instituições predeterminadas. Eles podem ajudar no fomento à pequena empresa, para expansão e crescimento.

Outros recursos, como o factoring, pode ser útil quando você precisa de dinheiro rapidamente, não podendo esperar a avaliação de crédito bancário.

Com o factoring, é possível antecipar recebíveis de um dia para o outro, e você deve usar esse recurso quando precisar de crédito rápido para investir.

O empréstimo P2P e o financiamento coletivo são opções recentes no mercado, antes dominado pelas instituições financeiras.

Hoje, o financiamento coletivo pode ser a melhor alternativa para executar um modelo de negócio inovador, e o empréstimo P2P um ótimo caminho para encontrar condições mais atrativas de pagamento.

Agora que você sabe quais são as vantagens de cada modalidade, só precisa saber melhor qual a sua necessidade. Você pode avaliar os riscos, custos e seguir o melhor caminho para seu negócio.

Você já conhece as alternativas de crédito para pequena empresa. Então, evite cair em velhas armadilhas.

Enrico Cardoso Alternativas de crédito para pequena empresa: descubra agora