Como evitar surpresas no seu fluxo de caixa

Como evitar surpresas no seu fluxo de caixa
5 (100%) 21 votes

Todo empreendedor sabe que gerar receita é bom, mas que é preciso transformá-la em dinheiro na conta para ter um negócio viável. Para diminuir seu risco de falência e construir uma empresa saudável, é importante gerenciar seu fluxo de caixa de uma forma previsível e consistente.

Feito do jeito certo, você pode até tornar isso em uma vantagem competitiva, por exemplo, oferecendo prazos melhores para seus clientes para se destacar dos concorrentes. Quando feito da maneira errada, o gerenciamento de fluxo de caixa pode ser uma fonte constante de dor de cabeça, sempre obrigando você a dar um jeito para pagar a próxima conta.

Nós explicamos algumas boas práticas para você se tornar um guru de fluxo de caxa. Leia esse artigo e aprenda!

Incentive os seus clientes a pagarem com antecedência

Negociar um melhor prazo de vendas é uma ótima ideia para melhorar o controle do seu fluxo de caixa. Mas,obviamente, isso não é algo que depende só de você. Seus clientes precisam estar motivados a fazer isso.

Para influenciá-los nessa tarefa é importante que você ofereça descontos em caso de pagamento adiantado, porém é necessário que você faça um cálculo para verificar qual é a porcentagem ideal de dedução que você pode oferecer.

Faça um follow up persistente

Clientes inadimplentes sempre são um problema difícil de resolver e que afetam bastante o fluxo de caixa. Para resolver essa situação, você deve realizar um follow up persistente.

Follow up significa fazer um acompanhamento, ou seja, quando você faz um follow up, você está monitorando algo que já foi feito para obter uma resposta.

Faça uma revisão frequente de todas as contas que você tem a receber, assim você vai ter um controle maior das faturas que ainda não foram pagas e que já excederam a data de vencimento.

Converse com os clientes inadimplentes e depois faça um novo follow up, a fim de verificar se ainda existem contas em atraso.

Monitore seu fluxo de caixa diariamente

Para não correr o risco de perder o controle, é preciso controlar o fluxo diariamente!

Quando você faz esse controle diário, você pode identificar com antecedência, futuros problemas que podem afetar o seu negócio e também pode planejar novos investimentos — sem comprometer o bem-estar financeiro da empresa.

Mantenha o seu capital de giro em dia

O capital de giro é um componente crucial para a sobrevivência da sua empresa. Isso porque, muitas vezes, a lucratividade dela pode não ser tão alta o suficiente para compensar todos os gastos e investimentos do negócio.

O ideal é que o capital de giro possa cobrir em torno de 60% das despesas totais da empresa. Esse dinheiro precisa ser guardado e você só pode mexer nele em situações emergenciais. Para que as necessidades do negócio venham ser supridas, manter o capital de giro  em dia é indispensável.

Tenha um plano B para lidar com situações inesperadas

Despesas inesperadas aparecem e você precisa solucionar esse problema o quanto antes. Quando isso acontecer, é bom ter alguma solução flexível para resolver tudo sem muito trabalho. Ter uma linha de crédito pré-aprovada no banco é uma opção; ter um cadastro aberto em uma factoring é outra.

Nesse caso, a factoring pode pagar à vista para vendas que você fez a prazo. Essa é uma ótima maneira conseguir dinheiro rápido quando surge uma despesa inesperada.

Para melhorar o controle do fluxo de caixa de uma empresa, exige-se muita disciplina. O controle deve ser rigoroso, a fim de evitar equívocos que podem atrapalhar o seu negócio. Por isso, tome as medidas que mencionamos neste artigo e melhore a sua lucratividade!

Gostou das nossas dicas? Então curta a nossa fanpage no Facebook e siga-nos no LinkedIn e fique por dentro de todas as nossas novidades. Até a próxima!

rapidoo Como evitar surpresas no seu fluxo de caixa