Como conseguir capital de giro para empresas novas?

Como conseguir capital de giro para empresas novas?
5 (100%) 29 votes

Você abriu sua empresa recentemente e está precisando de capital de giro para fazer seu negócio acontecer?

Se você tem CNPJ há pouco tempo, acredite: encontrar oportunidades de capital de giro, pode realmente ser um problema.

Primeiro, porque, na grande parte dos casos, você não tem experiência de crédito e, por isso, seu score é baixo.

Mas, sabemos que o capital de giro é de grande importância para a saúde do seu negócio.

É o capital de giro que ajuda você a atender as despesas diárias do seu negócio – necessidade de caixa a curto prazo, como sua folha de pagamento ou renovar e repor o estoque.

Muitas empresas novas enfrentam uma crise de liquidez de tempos em tempos, levando a uma demanda por financiamento de capita de giro.

Existem algumas opções no mercado que você pode considerar quando seu negócio é novo e você precisa de capital de giro..

#1. Crédito comercial

Vamos começar com um “crédito” que não é bem crédito? Isso mesmo, trata-se do crédito comercial.

O crédito comercial, também conhecido de crédito de fornecedor, é uma forma comum de financiamento de capital de giro que, muito provavelmente, o seu negócio já deve estar usufruindo.

Toda vez que você paga o seu fornecedor a prazo, com 30, 60 ou 90 dias, você está usufruindo de seu crédito comercial.

No entanto, alguns fornecedores vão ainda mais longe e permitem que você pague apenas parte de sua compra, ao invés do valor total.

Se seus fornecedores estiverem abertos a isso, pode ser uma boa forma de obter financiamento de capital de giro para renovar o seu estoque.

 

Você gostaria de gerenciar melhor os recebíveis da sua empresa?

Tenha melhor controle na gestão das suas contas à receber, saiba exatamente a data que seus clientes irão lhe pagar através do calendário de recebíveis. Utilize a antecipação de recebíveis para incrementar o fluxo de caixa da sua empresa.

Cadastro Gratuito

#2. Cartões de crédito

Os cartões de crédito são uma das ferramentas de financiamento mais utilizadas pelos proprietários de pequenas empresas.

É fácil entender porquê: se você já possui cartões de crédito, não há necessidade de solicitar financiamento – basta efetuar a compra, usufruindo, muitas vezes, de parcelamento sem juros.

Naturalmente, a desvantagem de usar cartões de crédito para financiamento de capital de giro são as altas taxas de juros, especialmente se você estiver fazendo algum tipo de adiantamento em dinheiro.

Essas taxas aumentam ainda mais se você atrasar ou parcelar uma fatura de seu cartão, usufruindo assim, do que chamamos de crédito rotativo.

#3. Linha de crédito

Trata-se de uma linha de crédito muito parecida com o crédito tradicional de pessoa física, com a diferença que está atrelada ao seu negócio.

Talvez esse seja o recurso mais difícil de uma pequena empresa conseguir, uma vez que, para acessar linhas de financiamento, é preciso ter empresa constituída há algum tempo, e alguns documentos que comprovem o faturamento.

De qualquer forma, depois de aprovado o seu crédito (e isso vai depender do seu score), você ainda precisa tomar cuidado com as taxas de juros; elas são as maiores do mundo para pequenas empresas.

#4. Factoring

Nessa forma de capital de giro, uma empresa compra as faturas a vencer do seu negócio por um percentual do seu valor total.

A empresa de factoring, em seguida, recolhe as faturas e remete o valor restante, menos taxas para você. Isso vai te ajudar a dar uma injeção em seu fluxo de caixa.

O factoring é um caminho rápido para conseguir dinheiro em caixa e, com isso dar um gás para seu capital de giro.

No fim, o factoring também cobra seus clientes e pode ser uma boa opção para que você tenha auxílio em sua gestão de recebíveis.

Já sabe qual caminho optar para conseguir fôlego em seu capital de giro?

Com uma empresa nova, muitos empresários ficam preocupados sobre como vai conseguir crédito para manter o seu negócio funcionando e isso acaba prejudicando dezenas de negócios iniciantes.

Se você ficou interessado em entender um pouco mais sobre como funciona o serviço de uma empresa de factoring, acesse nossa página de factoring e saiba mais.

Enrico Cardoso Como conseguir capital de giro para empresas novas?